OBRIGADO POR SUA COMPANHIA

OBRIGADO POR SUA COMPANHIA
JUNTOS, EM DEFESA DO TRABALHADOR / SERVIDOR DO BRASIL

sexta-feira, 14 de agosto de 2015

IMPASSE NO REAJUSTE DOS SERVIDORES DA JUSTIÇA FEDERAL - TST NÃO ACEITA SUPRESSÃO DE GRATIFICAÇÃO

PRESIDENTE DO TRIBUNAL SUPERIOR DO TRABALHO SE POSICIONA CONTRA INCLUSÃO DO PASSIVO DE 13,23% NO PERCENTUAL DE REAJUSTE TOTAL, O QUE SIGNIFICA REDUÇÃO DE SALÁRIO AO INVÉS DE AUMENTO.

TST não deu aval a projeto que "discrimina" trabalhista

Presidente do Tribunal disse a servidores que não houve detalhamento sobre uso dos 13,23%

Hélcio Duarte Filho

O presidente do Tribunal Superior do Trabalho (TST), Antonio Barros Levenhagen, disse que não deu aval para proposta que tenha impacto salarial menor para os servidores da justiça trabalhista em relação a outros tribunais. A afirmação foi dada a dirigentes da Fenajufe pouco depois de o diretor-geral do STF, Amarildo Vieira, comunicar às representações sindicais o teor do projeto que seria votado sumariamente, algumas horas depois, na sessão administrativa do órgão. Na exposição que fez, Amarildo disse que o TST havia concordado com o teor da proposta.

A diferenciação existe porque o STF informou que utilizará a incorporação do passivo trabalhista relativo aos 13,23% para composição do que seria a nova tabela salarial. Como grande parte dos servidores da JT já recebem o percentual no contracheque, na prática a elevação salarial seria menor para esse setor.

Fonte: SINTRAJUD

Nenhum comentário:

Postar um comentário

ATENÇÃO ! O BLOG É LUGAR DE TROCAR OPINIÕES E NÃO DE TROCA DE OFENSAS. Deixe seu comentário na certeza que sua opinião é muito importante.

NÃO É PERMITIDO FAZER PROPAGANDA DE PRODUTOS, SERVIÇOS, E EMPRÉSTIMOS. VENDA OU COMPRA DE ÓRGÃOS ANUNCIADOS AQUI SERÃO DENUNCIADOS À POLÍCIA FEDERAL.

Ressalvamos o nosso direito de deletar conteúdos debochados, rasteiros, com pregação de ódio, ilegalidades ou ofensivos/injuriosos. A responsabilidade do publicado é do autor do comentário, que poderá ser identificado com ordem judicial pelo IP.

Em alguns momento poderá ocorrer a MODERAÇÃO de comentários.

ACERVO SOU SERVIDOR