quinta-feira, 15 de dezembro de 2016

CÂMARA DOS DEPUTADOS EM CLIMA DE "FÉRIAS" NÃO DECIDE SOBRE RENEGOCIAÇÃO DAS DÍVIDAS DOS ESTADOS COM A UNIÃO

FÉRIAS PARA OS DEPUTADOS ......SUFOCO PARA OS SERVIDORES 


Direto de BRASÍLIA - Com um QUORUM BAIXÍSSIMO - Número insuficiente de deputados em plenário, e sem acordo entre os deputados que apoiam o atual governo federal, deputados de oposição e dissidentes que se colocaram contra as alterações feitas pelo SENADO FEDERAL, a Câmara dos Deputados encerrou a sessão desta quinta-feira sem votar o projeto de lei da Renegociação das Dívidas dos Estados com a União. 

O quórum estava baixo, e para deliberar sobre o importante texto, seria preciso um mínimo de de 257 votos a favor para ser aprovado. 

Ainda não está certo se a proposta voltará na próxima semana para ser decidida este ano, ou se ficará para 2017. 

O PRESIDENTE DA CÂMARA - Rodrigo Maia DEM/RJ - apesar de ser do nosso estado, e perfeitamente ciente da importância que o tema tem para a recuperação do Rio de Janeiro, não se mostrou muito interessado em PAUTAR a proposta, e muito menos em buscar um acordo entre governo e oposição para superar as divergências, que emperraram a votação.

Maia alegou que muitos deputados já contam que o ANO ACABOU, e que na semana que vem, só a votação do ORÇAMENTO está prevista. Foi pedido que ele convocasse uma sessão extra para a terça-feira dia 20 de dezembro.

DEPUTADOS DA OPOSIÇÃO, e alguns dissidente de partidos da base do governo, obstruíram a votação, por não concordar com as alterações e CONTRAPARTIDAS muito DURAS que o SENADO, com o apoio do governo resolveu colocar na PROPOSTA DE LEI DA RENEGOCIAÇÃO DAS DÍVIDAS.

O GOVERNO FEDERAL, e o relator do assunto no SENADO, demoraram demais para tratar de questão tão importante,e insistiram com medidas QUE SÃO CONSIDERADAS VERDADEIRA chantagem COM OS ESTADOS e SERVIDORES. 

Estão todos, ou quase todos, mais preocupados em articulações e manobras, além de votar PAUTA que impeçam que seus pescoços sejam postos na GUILHOTINA da LEI.

43 comentários:

  1. E servo,sabe se o pagamento da PMERJ ativo ainda receberá hoje, e junto com a pensionista,pois o dinheiro que pensionista recebe e descontado em folha... E disseram que sairia parcelado...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Lamentavelmente vc na sua adolescencia tendo que se preocupar em receber o que lhe è de direito. Pagamento e`amanhañ,mas deve ser para ativos e inativos,pensionista dia 20,mas vamos torcer para ser amanhañ.

      Excluir
    2. BOA TARDE

      Como foi o seu pagamento no mês passado (FOLHA DE OUTUBRO PAGA EM NOVEMBRO )

      Até aqui, nós temos observado que, as PENSÕES ESPECIAIS - POR MORTE - E A PENSÃO ALIMENTÍCIA - SÃO PAGAS JUNTO COM OS SALÁRIOS DOS SERVIDORES.

      As pensões normais, TEM SAÍDO PARCELADO.

      Excluir
    3. É anônimo de 17:20 em minha resposta,a gente e eu dependo deste dinheiro para pagar o aluguel e comer,pq nosso arroz acabou e nem sei o que será do feijão... Enfim,tudo muito lamentável...

      Excluir
    4. Querida, o seu pagamento foi parcelado mes passado? O meu n foi
      E recebo p.a do meu pai q e ativo da pmerj
      Nosso pagamento sai junto com o deles

      Excluir
    5. Oi Raquel,tudo bem,mes passado recebi integral..

      Excluir
  2. E dá pra ser pacíficos? ???????????????????????????????????????????????????????????????????? Tô cansada já! Faltando tudo e esse dinheiro q ninguém sabe.

    ResponderExcluir
  3. Vamos ver como ficará esse calendário amanhã para que possamos ver se vai ter greve geral.

    ResponderExcluir
  4. Estes são os caras que nós votamos para noa representar. Temos que lembrar deles nas próximas eleições.

    ResponderExcluir
  5. Poxa se esses ladrões com as parcelas dos consignados e nossa margem tivesse positiva teríamos uma saída refinanciando nossos contratos.vão cortar a minha luz e eu ñ sei mas o q fazer.Peço a Deus q nos de mt força para aguentarmos isso!!!!!!!!

    ResponderExcluir
  6. Em plena crise, sem dinheiro para pagar servidores, Pezão desobedece Justiça e concede mais incentivos fiscais ,Concedeu em caráter excepcional R$ 1 milhão e 50 mil de incentivos (renúncia fiscal) para a realização do evento intitulado “15º Piraí Fest Paladar”.

    ResponderExcluir
  7. EU COMENTO NO SEU OUTRO BLOG E MEUS COMENTÁRIOS APARECEM COMO PUBLICADOS MAS NENHUM É REALMENTE

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Servo,boa tarde! Acho que ela quer dizer no post anterior. Mas está aparecendo o comentário dela.

      Excluir
  8. ACHO QUE DEVEMOS LEVAR NOSSOS PROBLEMAS PARA FORA DO BRASIL, POIS AQUI NÃO NOS OUVEM... VAMOS PARA O AEROPORTO DO GALEÃO, ONDE PASSAM PESSOAS DO MUNDO TODO E LÁ VAMOS MOSTRAR AO MUNDO O QUE ESTÁ HAVENDO AQUI... DUVIDO QUE TENHA FINAL DE ANO NA PRAIA DE COPACABANA, CARNAVAL, ETC...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tem que ir pra frente do predio deste viado .aeroporto não estará atrapalhando ele em nd tem que encomenda ele .

      Excluir
  9. Ñ tivessem ficado....desculpe faltou

    ResponderExcluir
  10. Meu Deus aonde vamos parar cada vez percebo que o amor de muitos esfriaram só Deus só confio nele porq o homem é falho e covarde Creio que Deus vai nos ajudar até o natal vamos ter uma resposta positiva ��

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Amem eu creio precisamos muito

      Excluir
    2. Deus de poder! Momentos de desafios! E dos grandes. Kissila

      Excluir
  11. e esse pronunciamento de Temer?

    ResponderExcluir
  12. BOA TARDE SERVO,

    VOCÊ FALOU AS 17:23 QUE PENSÃO ALIMENTÍCIA SÃO PAGAS JUNTOS COM OS SALÁRIOS DOS SERVIDORES E,
    AS NORMAIS SÃO PARCELADAS.
    NÃO ENTENDI. RECEBO PENSÃO ALIMENTÍCIA E OUTUBRO FOI PARCELADO MAIS DE 7 VEZES E AINDA ESTÁ FALTANDO.
    O QUE VOCÊ QUIS DIZER COM PENSÕES NORMAIS SÃO PARCELADAS ?
    OBRIGADA.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Recebe junto com o servidor titular! Se ele for ativo e receber sem ser parcelado, a pensão alimentícia também é paga sem ser parcelada! Se ele for inativo ou ativo que recebe parcelado a pensão alimentícia será parcelada! A Pensão alimentícia segue a mesma regra para o pagamento do titular! Pelo menos até agora!

      Excluir
    2. MAIS OU MENOS A MESMA REGRA, PORQUE A MINHA PENSÃO ALIMENTÍCIA DE ATIVO ESTAVA SENDO DESCONTADA DA PARCELA DO TITULAR. POR ISSO PERGUNTEI PORQUE O SERVO DISSE DUAS POSSIBILIDADES, UMA RECEBE NORMAL E OUTRA PARCELADA. MAS VALEU, OBRIGADA.

      Excluir
  13. A MULHER DA CAPA PRETA DISSE QUE DESEJA QUE 2016 ACABE EM PAZ !
    ESTÁ NO GLOBO ONLINE. VI AGORA.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Para ela vai acabar em paz está com o pagamento em dia. mais para os servidor que ela ajudou a detonar não tem como

      Excluir
  14. http://m.extra.globo.com/emprego/servidor-publico/muspe-reune-garantias-de-pelo-menos-20-deputados-contrarios-aos-projetos-de-pezao-20649594.html

    ResponderExcluir
  15. http://odia.ig.com.br/economia/2016-12-15/coluna-do-servidor-supremo-decide-pela-revisao-do-calculo-dos-royalties.html

    ResponderExcluir
  16. Boa tarde!
    Acho interessante a idéia de uma greve geral, mas na verdade, seria parcial, pois imaginem se o Degase, policiais, bombeiros e a saúde pararem? O que será de nós? Isso é inviável. Agora tratando-se de outras categorias que decidirem aderir à greve, vou expor aqui um relato: Certa vez conversando com um amigo, ex metalúrgico, ele me disse que uma vez, quando os metalúrgicos decidiram aderir greve, que fizeram da seguinte forma, que todos iam para a metalúrgica, assinavam a folha de ponto e retornavam para o pátio e la ficavam a toa. Ou seja, ninguém podia dar falta para eles, e assim descontar dos seus salários. Não sei se no caso desse governo imundo isso funcionará.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. QUANDO SE FALA EM GREVE GERAL, SERIA BOM MAS TEM CATEGORIA QUE ACABA RECEBENDO O SEU E O PENSIONISTA APOSENTADO E DOS DA ALIMENTÍCIA, ESTE SÃO OS MAIS PREJUDICADOS NO PAGAMENTO E NÃO TEM COMO FAZER GREVE GERAL. ACHO QUE É POR ESTES PORENS QUE A GREVE NÃO ACONTECEU AINDA.

      Excluir
  17. a mulher da casa ta querendo que eu saia do imovel, nao me deu nada por escrito, mas eu tenho contrato. se ela me dar uma carta de despejo, oque eu posso fazer? ação na justiça? ja expliquei que a culpa de atrassar o aluguel TODO MES nao é minha!!!! e sim do governo que nao me paga. ja estou ficando com vergonha disso.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Carta de despejo não existe! Despejo só com ação judicial!

      Excluir
  18. pr favor:está terminando o ano.Semana que vem já é natal.Eo como que fica o nosso décimo terceiro???e o calendário com os pagaments...o que temos que fazer em relação a isso?temos que pressionar de alguma forma...vamos fazer alguma coisa gente...

    ResponderExcluir
  19. Há minha luz cortou é hoje moro de favor e hoje pra completar o gás acaba é tenho quatro filhos...cadê esse pagamento!!

    ResponderExcluir
  20. Há minha luz cortou é hoje moro de favor e hoje pra completar o gás acaba é tenho quatro filhos...cadê esse pagamento!!

    ResponderExcluir
  21. Há minha luz cortou é hoje moro de favor e hoje pra completar o gás acaba é tenho quatro filhos...cadê esse pagamento!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. ECONOMIA
      Coluna do Servidor: Funcionários do Degase recebem nesta sexta
      A secretaria de Educação confirmou o crédito
      Paloma Savedra
      15/12/2016 17:10:17



      Rio - Os servidores ativos do Departamento Geral de Ações Socioeducativas (Degase) vão receber seus salários integralmente nesta sexta-feira. O pagamento será feito com recursos do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação (Fundeb).

      A secretaria de Educação confirmou o crédito, tendo em vista que o Degase é órgão vinculado à pasta. Também receberão seus salários integralmente nesta sexta os servidores ativos e inativos da Segurança Pública.

      Já o crédito das outras categorias será feito de forma parcelada a partir da semana que vem. As datas ainda não foram divulgadas pela secretaria de Fazenda.

      Tags: Economia, Coluna do fServidor, Degase, Pagamento. Fonte jornal o dia online

      Excluir
  22. NOTA DE ESCLARECIMENTO:

    Prezados,

    Diante das recentes mensagens e ligações hostis recebidas, apresentamos alguns esclarecimentos:

    A Ação Civil Pública interposta por este escritório, patrocinando a FASP, mantém seu curso regular, ainda que atualmente estejamos com uma decisão desfavorável proferida no âmbito do STF.

    Desta decisão, foi interposto recurso, o qual foi despachado pessoalmente pelo sócio administrador deste escritório, em Brasília, com o Ministro responsável pelo julgamento e estamos no aguardo da decisão.

    Esclarecemos que os colaboradores do escritório Jund Advogados Associados não são servidores públicos e seu único meio de subsistência depende do valor de honorários advocatícios recebidos pelo escritório e que decorrem, em sua absoluta maioria, de ações judiciais individuais julgadas procedentes. A advocacia é uma atividade profissional e, como qualquer outra, precisa ser remunerada para ser exercida.

    O atendimento a todos – servidores públicos ou não – de maneira absolutamente profissional e cordial sempre foi um dos princípios básicos deste escritório, motivo pelo qual continuaremos atendendo todos que nos procurem, dentro de nossas possibilidades, ainda que não sejam clientes do escritório, apesar de deixar claro que os clientes do escritório mantêm evidente preferência.

    Vale lembrar, ainda, que a FASP, que também vem atravessando dificuldades financeiras por conta da ausência de repasse de verbas estaduais, chegou a criar uma campanha de financiamento coletivo a fim de facilitar o custeio do escritório, de maneira diluída, a qual permaneceu vigente por 2 meses, e que arrecadou apenas 1% do valor pretendido.

    Por fim, reiteramos que estamos ingressando com ações indenizatórias individuais pelos danos morais decorrentes dos sucessivos atrasos e parcelamento de salários dos servidores ativos, inativos e pensionistas do Estado do Rio de Janeiro, a qual, além de ter a possibilidade de gerar resultado financeiro para aquele que ingressar, também serve como instrumento de pressão política sobre a Administração Pública.

    Jund Advogados Associados

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O BLOG lamenta profundamente que pessoas tenham se dirigido ao escritório de advogados, ou mesmo a FASP / RJ, dessa forma, hostil e nada educada.

      Com que direito querem cobrar, assim, acintosamente, se nada pagam, se nada fazem, pela FASP ?

      Querem culpar os advogados pela decisão insensível e corporativa do STF ?

      Essas pessoas precisam colocar a mão na consciência. Que isso. O problema, o drama dos servidores é grande, mas isso não serve de pretexto nem dá a ninguém o direito de atacar e hostilizar, ainda mais a quem esse tempo todo lutou pelo recebimento do salários de todos, a quase totalidade, sem nenhum vínculo com a FASP.

      Excluir
  23. ISSO PROCEDE SENHO SERVO?

    SOU BOMBEIRO MILITAR
    O POVO PÕE O POVO TIRA

    ResponderExcluir
  24. Não podemos recuar temos que receber o nosso décimo terceiro agora e nosso reajuste agora para janeiro de 2017 juntos somos fortes.

    ResponderExcluir

Deixe seu comentário na certeza de que sua opinião é muito importante. Ressalvamos o nosso direito de deletar conteúdos debochados, rasteiros, com pregação de ódio, ilegalidades, ofensivos ou injuriosos. A responsabilidade pelo que escreve é do autor do comentário, que poderá ser identificado com ordem judicial pelo IP.

ACERVO SOU SERVIDOR

CONEXÃO NOTÍCIAS

CONEXÃO NOTÍCIAS
O SERVIDOR / TRABALHADOR BEM INFORMADO - CLIQUE NA IMAGEM