OBRIGADO POR SUA COMPANHIA

OBRIGADO POR SUA COMPANHIA
JUNTOS, EM DEFESA DO TRABALHADOR / SERVIDOR DO BRASIL

quarta-feira, 6 de julho de 2016

REAJUSTE DOS MILITARES DAS FORÇAS ARMADAS DEVE SER VOTADO E APROVADO ATÉ 13 DE JULHO

MINISTRO DA DEFESA PEDE PRESSA NA APROVAÇÃO E SUSTENTA QUE REAJUSTE É QUESTÃO DE JUSTIÇA PARA OS SERVIDORES

O Ministro interino da Defesa, Raul Jungmann pediu apoio do presidente do Senado na aprovação do Projeto de Lei da Câmara (PLC) 37/2016, que reajusta os soldos dos militares das Forças Armadas neste e nos próximos três anos. 

O projeto aguarda votação na Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania (CCJ) do Senado e ainda vai ser votado na Comissão de Assuntos Econômicos (CAE) antes da decisão final no Plenário do Senado.

“É um projeto que reajusta as Forças Armadas praticamente pelo índice de inflação. Para os quatro anos, o reajuste será de 25,5% e, na medida em que ocorram melhorias na arrecadação federal, esse reajuste poderá ser revisto. É, sem sombra de dúvida, algo que não vai afetar as contas públicas de forma alguma porque basicamente está se repondo a inflação do período”, afirmou o ministro.

O presidente do Senado disse que pretende votar o PLC 37 até o dia 13 de julho. Renan Calheiros lembrou que o projeto será analisado na mesma linha que levou à aprovação dos reajustes dos servidores do Judiciário e de analistas e técnicos do Ministério Público da União, no Plenário, na semana passada.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

ATENÇÃO ! O BLOG É LUGAR DE TROCAR OPINIÕES E NÃO DE TROCA DE OFENSAS. Deixe seu comentário na certeza que sua opinião é muito importante.

NÃO É PERMITIDO FAZER PROPAGANDA DE PRODUTOS, SERVIÇOS, E EMPRÉSTIMOS. VENDA OU COMPRA DE ÓRGÃOS ANUNCIADOS AQUI SERÃO DENUNCIADOS À POLÍCIA FEDERAL.

Ressalvamos o nosso direito de deletar conteúdos debochados, rasteiros, com pregação de ódio, ilegalidades ou ofensivos/injuriosos. A responsabilidade do publicado é do autor do comentário, que poderá ser identificado com ordem judicial pelo IP.

Em alguns momento poderá ocorrer a MODERAÇÃO de comentários.

ACERVO SOU SERVIDOR