AINDA NÃO FOI DESSA VEZ QUE CRISTIANE VIROU MINISTRA DO TRABALHO

AINDA NÃO FOI DESSA VEZ QUE CRISTIANE VIROU MINISTRA DO TRABALHO
FILHA DE CONDENADO NO MENSALÃO CONTINUA IMPEDIDA DE TOMAR POSSE !

segunda-feira, 20 de junho de 2016

DÍVIDA DOS ESTADOS - ACORDO COM O GOVERNO FEDERAL DÁ CARÊNCIA DE SEIS MESES...


...MAS SITUAÇÃO CONTINUA CRÍTICA NO RIO DE JANEIRO - FRANCISCO DORNELLES NÃO CONSEGUIU O QUE QUERIA E SERVIDOR CONTINUARÁ NO SUFOCO.

A situação da economia e das finanças do ESTADO do Rio de Janeiro é tão caótica, que nem mesmo essa suspensão do pagamento da dívida com o governo federal por seis meses, redução dos percentuais pagos por quase um ano a partir de 2017, parece ao menos amenizar o problema.

O ROMBO do Estado em 2016 é da ORDEM DE R$ 20 BILHÕES, todas as medidas já anunciadas não cobrem esse valor.

Até agora não houve decisão sobre o repasse de R$ 3 BILHÕES, especialmente para o Rio de Janeiro, com o argumento da necessidade de garantir o funcionamento da máquina pública por conta das OLIMPÍADAS. Governadores dos demais estados teriam manifestado entendimento sobre essa excepcionalidade, mas, existem questões que ainda não foram totalmente superadas.

O MAU HUMOR com que o governador do Rio de Janeiro chegou e saiu da reunião ainda não foi explicado. DORNELLES chegou e foi embora sem falar nada com a imprensa.

Apesar do avanço na negociação, e embora a suspensão do pagamento da DÍVIDA signifique um alívio para os ESTADOS, os governadores querem MUITO MAIS do que o governo federal pode dar. A atual renegociação sempre foi vista com MAUS olhos pelos mercados e analistas econômicos. Agora, como pode dar um pouco de gás ao governo interino, as críticas estão sendo deixadas de lado.

O DÉFICIT DO GOVERNO FEDERAL vai aumentar. O próprio ministro interino da fazenda. Henrique Meirelles, declarou que é de R$ 50 BILHÕES o impacto da medida.

  O SERVIDOR VAI CONTINUAR NO SUFOCO   

Somente em AGOSTO, talvez também agora em JULHO, os Servidores do Rio de Janeiro vão receber seus salários em dia e de forma integral. A decisão é para não criar nenhum clima ruim durante as olimpíadas, e pelo menos nesse período, não gerar problemas, conflitos e protestos, além de desestimular greves, paralisações e ocupações.

Passadas as OLIMPÍADAS, os SERVIDORES voltarão a sofrer, e virão MEDIDAS MUITO DURAS, principalmente se o governo interino virar definitivo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

ATENÇÃO !!!! REDOBREM O CUIDADO COM O QUE ESCREVEM E COM OS TERMOS QUE USAM. O BLOG É LUGAR DE TROCAR OPINIÕES E NÃO DE TROCA DE OFENSAS. Deixe seu comentário na certeza de que sua opinião é muito importante. Ressalvamos o nosso direito de deletar conteúdos debochados, rasteiros, com pregação de ódio, ilegalidades, ofensivos ou injuriosos. A responsabilidade pelo que escreve é do autor do comentário, que poderá ser identificado com ordem judicial pelo IP.

ACERVO SOU SERVIDOR