quarta-feira, 10 de agosto de 2016

INFLAÇÃO DE JULHO DISPARA E IPCA CHEGA A 0,52%

SEGUNDO ANALISTAS DO MERCADO, GOVERNO INTERINO DESCUMPRIU PROMESSA DE CONTROLAR GASTOS E EMBARCOU NA POLÍTICA DA GASTANÇA PARA SE SUSTENTAR.

INFLAÇÃO É EXPECTATIVA, E O GOVERNO INTERINO JÁ FRUSTROU AS EXPECTATIVAS



Os preços dos alimentos continuaram a pressionar a inflação. 

O Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), a inflação oficial do país, voltou a subir ao passar de 0,35% para 0,52% entre junho e julho deste ano, uma alta de 0,17 ponto percentual no período.

Os dados foram divulgados hoje (10) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) e indicam que, com a alta de julho, a taxa acumulada nos últimos doze meses (a inflação anualizada) ficou em 8,74%, abaixo, no entanto, dos 8,84% relativos aos doze meses imediatamente anteriores: 0,1 ponto percentual.

Nos primeiros sete meses do ano (janeiro/julho) a inflação medida pelo IPCA acumula alta de 4,96%, resultado também inferior aos 6,83% de igual período de 2015. 

Neste caso, a queda é bem maior do que a taxa anualizada: 1,87 ponto percentual. Em julho de 2015, o IPCA registrou variação de 0,62%.

Edição: Kleber Sampaio

Nenhum comentário:

Postar um comentário

ATENÇÃO !!!! REDOBREM O CUIDADO COM O QUE ESCREVEM E COM OS TERMOS QUE USAM. O BLOG É LUGAR DE TROCAR OPINIÕES E NÃO DE TROCA DE OFENSAS. Deixe seu comentário na certeza de que sua opinião é muito importante. Ressalvamos o nosso direito de deletar conteúdos debochados, rasteiros, com pregação de ódio, ilegalidades, ofensivos ou injuriosos. A responsabilidade pelo que escreve é do autor do comentário, que poderá ser identificado com ordem judicial pelo IP.

ACERVO SOU SERVIDOR

CONEXÃO NOTÍCIAS

CONEXÃO NOTÍCIAS
O SERVIDOR / TRABALHADOR BEM INFORMADO - CLIQUE NA IMAGEM