LEIA + CONEXÃO SERVIDOR PÚBLICO MUNICIPAL - SEM PERU NO NATAL !

LEIA + CONEXÃO SERVIDOR PÚBLICO MUNICIPAL - SEM PERU NO NATAL !
O SEU BLOG PARA FICAR BEM INFORMADO SOBRE ASSUNTOS DAS PREFEITURAS

segunda-feira, 15 de agosto de 2016

SERVIDOR DO ESTADO TEM EMPRÉSTIMO CONSIGNADO NEGADO POR BANCOS

SIMPLES DE ENTENDER, IMPOSSÍVEL DE ACEITAR

As instituições financeiras que fazem parte da Associação Brasileira de Bancos (ABBC) - Agiplan Financeira; Banco Alfa, Banco Azteca do Brasil; Barclays; BBM; BMG; Bradesco Financiamentos; Banco Cacique; Banco Cédula e Banco Cifra, Banco Cooperativo do Brasil (Bancoob); Banco J. Safra; Banco Mercantil do Brasil e Banco Sofisa, entre outros, decidiram que NÃO VÃO CONCEDER NOVOS EMPRÉSTIMOS CONSIGNADOS OU RENOVAR OS JÁ EXISTENTES COM OS SERVIDORES DO ESTADO.

QUAL O MOTIVO

Os constantes atrasos nos repasses dos valores relativos aos créditos com desconto em folha que deveriam ser repassados aos bancos pelo GOVERNO DO ESTADO, mas que, segundo a ABBC não são feitos. De acordo com a ABBC, encontram-se em atraso VALORES ALTÍSSIMOS, que deveriam ter sido repassados em ABRIL, MAIO, JUNHO E JULHO, sempre referentes as folhas do mês anterior, no total aproximado de R$ 500 milhões, sendo que R$ 200 milhões são devidos a instituições associadas à ABBC.

ISSO É CRIME ?!!

A ABBC ainda tenta de forma negociada receber os valores, mas, não fará novos empréstimos. Na verdade, quem será penalizado é o SERVIDOR, que sofre o DESCONTO do salário, mas, passa por CALOTEIRO, visto que o dinheiro retido pelo ESTADO não vai para a Instituição que emprestou. Se não estamos enganados, isso se chama "APROPRIAÇÃO INDÉBITA", crime tipificado no CÓDIGO PENAL, com o agravante de causar a terceiros INOCENTES, grave prejuízo.

O GOVERNO

Prometeu pagar, reduziu o tamanho da dívida, pagou um mês, mas...não pagou tudo e em JULHO, segundo a ABBC voltou a atrasar valores atuais e não quitou todo os atrasados.

A Secretaria da Fazenda culpa os ARRESTOS no caixa do estado, que ultrapassaram R$ 790 milhões só em abril, pelo problema. Afirma ainda que só há parcelas atrasadas de março e abril.

E AGORA ?

Os servidores estaduais terão mais dificuldade para renegociar dívidas ou conseguir empréstimos novos. Com poucas opções de BANCOS onde conseguir recursos. Isso é péssimo, e acaba empurrando quem já está mal, para situação pior. 

Senhores servidores, fujam dos AGIOTAS.

13 comentários:

  1. O que mais me surpreende é que os atrasos se tornam um problema, digamos efeito cascata, onde um derruba o outro. O servidor/devedor tem que fugir dos credores, quando na verdade possui pouca e na verdade nenhuma culpa neste caso.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Bom dia

      Sim, é verdade. O SERVIDOR é o próprio PATO pagador dessa triste história. ELE PAGA AO BANCO, mais o intermediário se apropria do dinheiro. O banco tira o crédito e processa o servidor que honrou o compromisso, enquanto o ESTADO, caloteiro e apropriador indébito não sofre nenhuma punição.

      É verdade que não se pode prender o ESTADO DO RIO, mas os seus governantes, poderiam e deveriam ser acionados pela Justiça, inclusive com BENS BLOQUEADOS.

      Um abraço

      Excluir
  2. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  3. Boa noite , alguém no BLOG sabe informar se o Governo está pagando ao Bradesco as parcelas de quem fez o consignado para pegar o décimo terceiro? Pois minha margem consignavel vem no valor da parcela . Obrigada.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. BOM DIA

      A informação que temos é que paga sim, ainda que atrase.

      Bom dia

      Excluir
  4. Ou seja está negativa no valor da parcela do consignavel para pegar o décimo terceiro.

    ResponderExcluir
  5. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  6. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  7. Bom dia, no meu caso o banco até me concede fazer refinanciamento, mas o Seplag negativou minha margem, depois do decreto de janeiro, que reduziu p 30% o cálculo da margem e aumentando as parcelas até 84 vezes. Ou seja mexeu nos contratos que estavam firmados, tornando minha margem negativa, me impossibilita de fazer qualquer negociação.Lamentável.

    ResponderExcluir
  8. Bom dia, no meu caso o banco até me concede fazer refinanciamento, mas o Seplag negativou minha margem, depois do decreto de janeiro, que reduziu p 30% o cálculo da margem e aumentando as parcelas até 84 vezes. Ou seja mexeu nos contratos que estavam firmados, tornando minha margem negativa, me impossibilita de fazer qualquer negociação.Lamentável.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. BOM DIA

      Mexer em contratos firmados, sem autorização de uma das partes envolvidas, abre espaço para ação de perdas e danos na Justiça.

      O governo do Estado demonstra não ter critérios e nem respeito pelos servidores.

      Excluir
  9. vcs poderiam me responder por favor se todos os estados estão assim ?meu esposo é servidor estadual do paraná trabalha na uel a10anos enão consegue o consignado pelo itau .

    ResponderExcluir
  10. No caso o artigo acima está mencionando em uma forma genérica ou está dizendo especificamente do Estado de São Paulo.
    Em Setembro o TJSP fechou um convenio com a Alfa Financeira, mas dizem que as operações terão inicio em dezembro próximo, dizem que estão no processo de implantação da margem, o TJSP diz que está tudo OK, porém a financeira está nessa de que só terá inicio em Dezembro. Alguém sabe sobre ?????

    ResponderExcluir

ATENÇÃO !!!! REDOBREM O CUIDADO COM O QUE ESCREVEM E COM OS TERMOS QUE USAM. O BLOG É LUGAR DE TROCAR OPINIÕES E NÃO DE TROCA DE OFENSAS. Deixe seu comentário na certeza de que sua opinião é muito importante. Ressalvamos o nosso direito de deletar conteúdos debochados, rasteiros, com pregação de ódio, ilegalidades, ofensivos ou injuriosos. A responsabilidade pelo que escreve é do autor do comentário, que poderá ser identificado com ordem judicial pelo IP.

ACERVO SOU SERVIDOR

CONEXÃO NOTÍCIAS

CONEXÃO NOTÍCIAS
O SERVIDOR / TRABALHADOR BEM INFORMADO - CLIQUE NA IMAGEM