DEZEMBRO / 2017 - 19 MILHÕES DE PÁGINAS VISTAS - OBRIGADO PELA COMPANHIA

DEZEMBRO / 2017 - 19 MILHÕES DE PÁGINAS VISTAS - OBRIGADO PELA COMPANHIA
NOSSA DIGITAL É A DEFESA DE QUEM TRABALHA E TRABALHOU !

quarta-feira, 30 de dezembro de 2015

COMPERJ VOLTA A CONTRATAR - COMPLEXO DE ÓLEO E GÁS VAI ABRIR 5.500 VAGAS DE TRABALHO EM 2016



A NOTÍCIA é ÓTIMA para o trabalhador brasileiro, e em especial para o pessoal do RIO DE JANEIRO.

Logo no início do ANO DE 2016, o COMPLEXO PETROQUÍMICO - COMPERJ - ITABORAÍ - RJ, lança EDITAL para RETOMADA de atividades e - CONSTRUÇÃO / CONCLUSÃO - de DUAS unidades no COMPLEXO de Petróleo e Gás.

Em grande parte, a retomada do EMPREGO depende da PETROBRAS, e depende do RAMO de Petróleo e CONSTRUÇÃO NAVAL. O governo precisa olhar com ATENÇÃO nessa DIREÇÃO. Bom saber que a conclusão de toda a REFINARIA está no horizonte novamente.

**************************************************************************
Nova licitação para obras no Comperj sai no início do ano
12/2015 
Rio de Janeiro
Nielmar de Oliveira - Repórter da Agência Brasil

As primeiras relicitações para a retomada das obras da Unidade de Processamento de Gás Natural do Polo Petroquímico do Rio de Janeiro (Comperj) deverão ser lançadas no início de 2016.

Serão relançadas também as licitações para a construção da Central de Utilidade, que será responsável pelo fornecimento de água e de energia destinadas ao empreendimento.

Com a previsão de reinício das obras – que hoje mantém 6 mil dos cerca de 30 mil trabalhadores que empregava no pico de construção – deverão ser gerados até o final do ano 5,5 mil empregos.

Os dois empreendimentos foram os únicos a serem mantidos no Plano de Negócios 2015-2019 da Petrobras. As obras da Comperj foram interrompidas após denúncias de superfaturamento detectado nas investigações da Operação Lava Jato.

A expectativa é que a unidade entre em produção no 4º trimestre de 2018, no mais tardar no primeiro trimestre de 2019. As informações foram dadas por fonte da Petrobras ouvida pelaAgência Brasil.

“Quanto à refinaria, nós estamos negociando com três empresas interessadas em estudar um modelo que viabilize a retomada e a conclusão da obra,” disse a fonte.

A ideia da estatal é a adoção de um modelo de negócio diferente, onde o parceiro não entre apenas com o financiamento, mas venha a ser sócio do empreendimento e que assuma os riscos do negócio. 

Edição: Beto Coura

7 comentários:

  1. Esta é uma ótima noticia, sou vitima do desemprego, que acometeu milhares de colaboradores, que, na Comperj labutava. Foi um acontecimento intempestivo, o qual surpeendeu muita gente, inclusive agente, e os que investiram na cidade de Itaboraí e adjacentes, vislumbrando o funcionamento da Comperj, que resultaria em aquescimento do mercado local, bem como, outras atividades,geradoras de emprego e renda; Sou Sidnei Gomes, mais um vibrador, com esta nóticia, espero conseguir meu posto de trabalho novamente na COMPERJ, abçs.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. BOM DIA

      O GOVERNO FEDERAL e do ESTADO, precisam olhar com ATENÇÃO para a questão do COMPERJ e da INDÚSTRIA NAVAL. A saída da crise é muito por aí. EM BREVE O PETRÓLEO VAI RECUPERAR PREÇO.

      Um abraço e que todos os trabalhadores recuperem os POSTOS que foram perdidos.

      Excluir
  2. as vagas ja são direcionada para os trabalhadores de outro estado.os trabalhadores de Itaboraí são goncalo e mage,povo do rio tem q fica liga e cobra das autoridades. as nossa vagas este ano e ano de elecao

    ResponderExcluir
  3. eu só estou vendo promessas e ate agora nada de começar a dar as vagas,sou de magé e fui la em itaboraí semana passada e a cidade parece cidade fantasma nada de movimentação de serviço fui no sine ver e nada ate agora mais as eleições estão chegando e vai ter muito politico prometendo isso e muito mais vamos ser conciente sobre isso pos so prometem ke vai começar a chamar e ke o comperj vai voltar e nada ate agora para de nos enganar seus politicos....

    ResponderExcluir
  4. eu só estou vendo promessas e ate agora nada de começar a dar as vagas,sou de magé e fui la em itaboraí semana passada e a cidade parece cidade fantasma nada de movimentação de serviço fui no sine ver e nada ate agora mais as eleições estão chegando e vai ter muito politico prometendo isso e muito mais vamos ser conciente sobre isso pos so prometem ke vai começar a chamar e ke o comperj vai voltar e nada ate agora para de nos enganar seus politicos....

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Boa tarde Adriano

      É VERDADE. Muito triste a situação da população e de todas as atividades que geram emprego e renda nas cidades dessa região de nosso estado.

      Infelizmente, com o agravamento da crise política, e seus reflexos na questão da economia, a retomada desse projeto que é FUNDAMENTAL para todos no Brasil, está em "ESPERA". O governo do Rio desmoronou, no governo federal ninguém sabe o que vai acontecer. estamos tentando obter uma informação oficial sobre o COMPERJ para passar aos leitores.

      Um abraço

      Excluir

ATENÇÃO !!!! REDOBREM O CUIDADO COM O QUE ESCREVEM E COM OS TERMOS QUE USAM. O BLOG É LUGAR DE TROCAR OPINIÕES E NÃO DE TROCA DE OFENSAS. Deixe seu comentário na certeza de que sua opinião é muito importante. Ressalvamos o nosso direito de deletar conteúdos debochados, rasteiros, com pregação de ódio, ilegalidades, ofensivos ou injuriosos. A responsabilidade pelo que escreve é do autor do comentário, que poderá ser identificado com ordem judicial pelo IP.

ACERVO SOU SERVIDOR

CONEXÃO NOTÍCIAS

CONEXÃO NOTÍCIAS
O SERVIDOR / TRABALHADOR BEM INFORMADO - CLIQUE NA IMAGEM